terça-feira, 6 de setembro de 2016

Notícias 06 de Setembro 2016

Petrolina PE: Homem sofre tentativa de assalto no local do crime das garotas do Distrito   

Noticiado às 21:35, Desta Terça, 06/09/2016. 



Hoje a Tarde Tentaram Roubar um Homem no Distrito Industrial de Petrolina, nas Proximidades da Ocorrência do crime das garotas. Um Morador do bairro João de passava de bicicleta pelo local quando foi abordado por dois elementos que efetuaram disparos no sentido do Homem que fugiu sem ser ferido. 

Petrolina PE: Mulher foi assaltada na Vila Eulália   

Noticiado às 21:25, Desta Terça, 06/09/2016. 



Dois indivíduos assaltaram uma mulher agora na Vila Eulália, Petrolina. Não ha informações sobre o que levaram da vitima, populares conseguiram anotar os números da placa (4079) uma Moto Honda cor Preta.

Petrolina PE: Cobrança sobre o Caso Menina Beatriz   

Noticiado às 21:20, Desta Terça, 06/09/2016. 



Manifestação vai pedir a troca do delegado responsável pelas investigações do Caso Beatriz

Cansados de esperar por uma resposta concreta sobre as investigações do caso da menina Beatriz Angélica Mota, brutalmente assassinada no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, em Petrolina, no dia 10 de dezembro passado, um grupo de manifestantes fará um novo protesto nesta sexta-feira (9), a partir das 7h. Desta vez, no entanto, o foco será a saída do delegado Marceone Ferreira, que está à frente das investigações.
A concentração acontecerá na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, próximo ao Monumento da Integração. De lá, os manifestantes seguirão até à Delegacia de Homicídios, onde pretendem falar com o delegado. Em seguida eles caminharão até o o Fórum Dr. Souza Filho. Em comunicado na página oficial no Facebook, o grupo afirma que o movimento pretende “Cobrar do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) esclarecimentos em respeito às ações da força-tarefa designada para o caso, fiscalização do trabalho da polícia e substituição do delegado“.

DELEGADO MARCEONE DIZ QUE SEU AFASTAMENTO DO CASO BEATRIZ PODERÁ ATRAPALHAR NA ELUCIDAÇÃO DO CRIME

O Delegado Seccional de Petrolina, Marceone Ferreira, disse ontem a tarde que é o responsável pelas investigações da morte da menina Beatriz Angélica, que irá completar 09 meses no próximo dia 10.

O delegado esclarece, de como recebeu a notícia sobre a manifestação programada para sexta-feira (09), em frente a delegacia, em que os participantes irão pedir o seu afastamento frente ao Caso Beatriz.

Marceone disse “A população não sabe que estamos trabalhando. Se chegar o momento que a família ache que é preciso o afastamento das investigações irei respeitar. Mas acho que isso irá atrapalhar e muito na elucidação do caso. A polícia Civil nunca se dedicou tanto a um caso como o de Beatriz. Algumas pessoas ainda acham que nossos trabalhos ainda não são suficientes. Vamos continuar firmes trabalhando até a Chefia de Polícia se manifestar sobre o caso”, ressaltou.

Marceone disse ainda, que estará na Delegacia na próxima sexta-feira cumprindo expediente e que não tem problema algum na realização do protesto e em conversar com os manifestantes.

“Nós nunca fomos contra aos protestos. A sociedade tem esse direito e nós apoiamos. Agora, protestar contra quem deseja ajudar na investigação do caso desde o início é uma surpresa. Estamos todos os dias trabalhando e as investigações estão avançando. Estamos todos os dias na delegacia, estamos tranquilos”, concluiu.

A manifestação está marcada para a sexta-feira às 07:00 com saída do Monumento da Integração. O grupo irá para a Delegacia e após irá se dirigir ao Ministério Público para pedir esclarecimentos em respeito às ações da Força Tarefa designada para o caso, fiscalização do trabalho da polícia e substituição do delegado.

Petrolina PE: Caso Garotas do Distrito Perícia Trabalhando  

Noticiado às 21:05, Desta Terça, 06/09/2016. 


Polícia realiza nova perícia no local onde jovens foram achadas mortas

Material genético foi coletado de roupas e objetos deixados no local. Jovens foram mortas a facadas quando iam para o trabalho em Petrolina.

A Polícia Civil (PC) e o Instituto de Criminalística (IC) realizam, nesta terça-feira (6), uma nova perícia no local onde as duas jovens, de 19 anos, foram encontradas mortas, na segunda-feira (5), no Distrito Industrial, Zona Oeste de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a perícia, todo o material encontrado no local foi coletado, mas uma nova varredura será feita na área.

Os corpos das vítimas ficaram no Instituto de Medicina Legal (IML) até o início da tarde desta terça-feira e só foram liberados após a conclusão da coleta de material para exames no laboratório de Recife, capital pernambucana. Até o momento ninguém foi preso e a polícia trabalha com várias linhas de investigação. Abalados, os familiares não quiseram gravar entrevista.

O Crime

De acordo com a polícia, as duas jovens saíram para trabalhar, por volta das 6h30, mas não chegaram até a empresa. Os corpos foram achados pelo tio de uma das vítimas, em um matagal, no Distrito Industrial, perto de uma pista de motocross, há 100 metros de distância da pista que passavam habitualmente a pé. As jovens estavam nuas, com as mãos amarradas com as próprias roupas, e apresentavam perfurações no pescoço. A polícia ainda investiga se houve violência sexual.

No local do crime a polícia encontrou uma peça de roupa íntima de homem, que será enviada para análise. Os celulares das vítimas foram furtados e a faca utilizada para matar as jovens não foi encontrada.

Segundo familiares, as duas garotas trabalhavam como jovens aprendizes em uma empresa na região e todos os dias passavam pelo local onde foram encontradas. O delegado seccional de Petrolina, Marceone Ferreira, confirmou que os suspeitos possivelmente conheciam a rotina das vítimas. 

As Investigações

Em entrevista exclusiva concedida ao G1 e a TV Grande Rio, afiliada da Globo, o delegado Marceone Ferreira, disse que mais de dez pessoas já foram ouvidas e que inicialmente, policiais estão fazendo trabalho de campo. “A equipe está na rua, buscando informações e aquelas testemunhas importantes já são imediatamente conduzidas para a delegacia para serem ouvidas. Ainda não tem ninguém preso. Estamos buscando identificar os autores para solicitar a prisão junto ao poder judiciário”, destacou.

Ainda de acordo com o delegado, a polícia aguarda laudos periciais para definir as linhas de investigação. “Estamos aguardando o laudo do IML para ter certeza se houve ou não violência sexual. Temos que primeiro definir uma possível motivação do crime, se foi puramente sexual, se foi um latrocínio, se foi por vingança pessoal. Precisamos definir isso e o laudo do IML vai ser fundamental para o esclarecimento”, afirmou Marceone.

Pela forma como as jovens foram encontradas, a polícia acredita que o crime tenha envolvimento de mais de um suspeito. “A ideia inicial que a equipe de investigação está tendo é de que mais de uma pessoa tenha participado. O local onde as vítimas foram encontradas, a forma como foram achadas, a possibilidade de ter sido uma única pessoa é muito pequena. A gente já trabalha com a possibilidade de envolvimento de mais de uma pessoa”, garantiu o delegado.

A Perícia

Os corpos das vítimas chegaram ao IML de Petrolina às 13h45 da segunda-feira (5) e só foram liberados no início da tarde desta terça. De acordo com os peritos, durante todo esse tempo os corpos foram submetidos a exames.

“Tudo o que foi coletado dos objetos e peças das vítimas eram ricos em materiais orgânicos. Esse material será enviado para Recife, para exames de DNA. Chegando a algum suspeito, podemos fazer a comparação genética. Eu acredito que em três ou quatro dias esses exames devem estar prontos”, explicou o perito criminal e gestor do Instituto de Criminalística (IC), Ivan Câmara.

“Foram realizados exames interno e externo dos corpos. A coleta de material é particularmente para pesquisa de material genético. Acredito que em 72 horas já devo ter o resultado desses perfis genéticos e temos o prazo de até dez dias para concluir o laudo”, complementou o médico legista do IML, Álvaro Miranda.

O Sepultamento

Os corpos das vítimas serão sepultados em Ouricuri, na Bahia e em São Francisco de Assis, no Piauí.

Petrolina PE: Local do duplo homicídio foi queimado

Noticiado às 13:55, Desta Terça, 06/09/2016. 


Colocaram fogo no cenário do bárbaro crime ocorrido ontem das duas garotas, no Distrito Industrial de Petrolina.

Petrolina PE:

Noticiado às 10:55, Desta Terça, 06/09/2016. 


Colisão entre duas motos no bairro Antônio Cassimiro, deixa pessoas levemente feridas.  

Juazeiro BA: PETO 74 recupera veiculo roubado em Brumado

Noticiado às 07:00, Desta Terça, 06/09/2016. 

Nesta Segunda (05), no período da manha, o PETO 74 CIPM, durante rondas no Residencial Praia do Rodeadouro, Juazeiro BA. Quando ao avistar um veiculo polo de cor branca, de placa OKI 3667, Brumado BA. Sendo feito consulta via MOP, constatou que a placa original era; NZN 3316. E que constava como veiculo roubado. A equipe delta conduziu Raimundo Sales da Silva. Ao Complexo Policial, sendo autuado em flagrante delito.     

Jaguarari BA: Jovem tenta apaziguar briga e leva três facadas

Noticiado às 06:40, Desta Terça, 06/09/2016. 


Jovem Foi Esfaqueado Nas Costas Durante Discussão Em Jaguarari

O crime Ocorreu Na Avenida Gameleira, Bairro Odilon Gonçalves em Jaguarari, BA. Um jovem foi esfaqueado nas costas, durante uma discussão. 

Segundo informações o jovem de pré-nome Wesley de 20 anos, tentou apaziguar uma discussão entre outros dois jovens, quando recebeu três golpes de faca nas costas, o autor do crime que segundo informações, é menor de idade evadiu-se do local, familiares da vítima socorreram o jovem para o Hospital Municipal de Jaguarari, onde se encontra internado, e fora de perigo de morte.

A Policia Militar da 3ª CIA foi acionada e prontamente se deslocou até o local do fato, em seguida realizou diversas diligências no intuito de capturar o autor do delito, porém sem êxito.

Petrolina PE: Foi decretado luto oficial 



Disk Denúncia: Para qualquer pista dos assassinos 

Noticiado às 00:20, Desta Terça, 06/09/2016. 



A Policia pede ajuda para tentar elucidar esse crime bárbaro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário