quarta-feira, 15 de junho de 2016

Notícia 15 de Junho 2016

Feto Encontrado em Sobradinho BA 

Noticiado às 23:35, Desta Quarta, 15/06/2016.


Promotoria Pública Entra no Caso Menina Beatriz 

Noticiado às 23:00, Desta Quarta, 15/06/2016.


Ministério Público de Pernambuco instaura grupo com seis Promotores de Justiça para analisar as provas do crime colhidas pela Polícia Judiciária do caso Beatriz. A informação foi divulgada pelos Promotores de Justiça numa coletiva de imprensa na tarde desta quarta-feira (15). Beatriz Angélica Mota, de sete anos, foi assassinada com 42 facadas no dia 10 de dezembro de 2015, dentro das dependências do Colégio Nossa Senhora Maria Auxiliadora, em Petrolina, e até o momento, o inquérito não foi concluído com a punição dos envolvidos no crime.
Sob o comando do Procurador-Geral de Justiça, Carlos Augusto Guerra de Holanda, os Promotores Carlan Carlo da Silva, Ana Rubia Torres, Julio Cesar Soares Lira, Lauriney Reis Lopes, Bruno de Brito Veiga e Rosane Moreira Cavalcanti, asseguram que o grupo de trabalho dará, a partir de agora, uma assistência 24horas as investigações com o objetivo de elucidar o crime, pois a união de forças, com a força-tarefa, dará folego ao grupo para desvendar o crime, ressaltou o Promotor Carlan Carlo, que até então dirigia o trabalho com mais dois colegas Promotores.

“Estamos juntos para que possamos fazer um trabalho com os demais órgãos de investigação com o intuito de esclarecer a autoria desses fato criminoso que vitimou a menor Beatriz. O grupo de trabalho se faz necessário para que o MPPE possa dar uma assistência 24horas, para que a qualquer momento o colega esteja sabendo da situação e tendo conhecimento dos fatos. A investigação tem hora para começar não tem hora para acabar, pode ser concluída a qualquer momento, com um simples detalhe um crime pode ser elucidado, mesmo aquele que aparentemente de difícil elucidação”, disse Guerra.Ministério Público de Pernambuco instaura grupo com seis Promotores de Justiça para analisar as provas do crime colhidas pela Polícia Judiciária do caso Beatriz. A informação foi divulgada pelos Promotores de Justiça numa coletiva de imprensa na tarde desta quarta-feira (15). Beatriz Angélica Mota, de sete anos, foi assassinada com 42 facadas no dia 10 de dezembro de 2015, dentro das dependências do Colégio Nossa Senhora Maria Auxiliadora, em Petrolina, e até o momento, o inquérito não foi concluído com a punição dos envolvidos no crime.

Sob o comando do Procurador-Geral de Justiça, Carlos Augusto Guerra de Holanda, os Promotores Carlan Carlo da Silva, Ana Rubia Torres, Julio Cesar Soares Lira, Lauriney Reis Lopes, Bruno de Brito Veiga e Rosane Moreira Cavalcanti, asseguram que o grupo de trabalho dará, a partir de agora, uma assistência 24horas as investigações com o objetivo de elucidar o crime, pois a união de forças, com a força-tarefa, dará folego ao grupo para desvendar o crime, ressaltou o Promotor Carlan Carlo, que até então dirigia o trabalho com mais dois colegas Promotores.

“Estamos juntos para que possamos fazer um trabalho com os demais órgãos de investigação com o intuito de esclarecer a autoria desses fato criminoso que vitimou a menor Beatriz. O grupo de trabalho se faz necessário para que o MPPE possa dar uma assistência 24horas, para que a qualquer momento o colega esteja sabendo da situação e tendo conhecimento dos fatos. A investigação tem hora para começar não tem hora para acabar, pode ser concluída a qualquer momento, com um simples detalhe um crime pode ser elucidado, mesmo aquele que aparentemente de difícil elucidação”, disse Guerra. De acordo com o Promotor Julio César, que conduziu a coletiva, o primeiro passo do grupo é conhecer as provas até então produzida pelo delegado da Polícia Civil Marcione Ferreira responsável pelas investigações do caso Beatriz e que conduz o inquérito; o segundo passo é ouvir os pais de Beatriz Lucia Mota e Sandro Romilton e o terceiro passo é realizar uma reunião com o setor de investigação da Polícia Judiciária, os pais de Beatriz, e os demais órgãos de segurança que acompanham o caso. “Este crime não ficará impune, vamos nos apoderar da prova até então produzida para que as seis cabeças [Promotores de Justiça] possam analisar”, disse Julio César.

O Promotor também ressaltou que “a investigação é da Polícia Judiciária e ela está no caminho certo”, e disse que não cabe nem a Polícia e nem ao Ministério Público está informando a imprensa, já que o processo de investigação corre sob segredo de Justiça. “O grupo de trabalho vai se dispor a participar de todos os fatos da Polícia Judiciária com o objetivo de desvendar o crime e sustentar as provas em Juízo. Vamos defender as provas das autorias reveladas e respaldar as provas contra os criminosos, evitando a não impunidade”, afirmou Julio César.

Questionado o porque da formação desse grupo seis meses após o crime, o Promotor de Justiça, informou que não houve demora. “O que estamos fazendo de forma bastante célere é dar encaminhamento a um grupo que foi formado sábado, então, a atuação do grupo está sendo imediata, diante da importância que o caso requer e é bom que se diga que a Polícia Judiciária, em quem nós temos confiança, pelo trabalho até então realizado, o MP é receptor das provas conduzidas pelo delegado de Polícia”. Os pais da vítima acompanharam a reunião com a imprensa, em seguida, se reuniram com o grupo de Promotores para uma primeira conversa. Este contato foi restrito sem a presença da imprensa. Audiência Pública

Na manhã desta quarta-feira (15), com a presença de representantes do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Polícias Civil e Militar, vereadores e movimentos contra a impunidade, a Casa Plínio Amorim realizou uma audiência pública para debater os direitos da criança e do adolescente. Na oportunidade, o pai de Beatriz, Sandro Romilton Ferreira, destacou que a família continua com a campanha solicitando das pessoas vídeos, fotos, informações do dia do crime que possam ajudar nas investigações. “Temos informações que poucas pessoas têm contribuído neste sentido, e nós apelamos que qualquer informação seja passada para a polícia, e se não tiver disponibilidade de mostrar para os investigadores que nos procure. Não vamos parar de tentar uma prova substancial”.

Sobre a formação do grupo de Promotores de Justiça, Sandro ressaltou que há tempos a família questionava o trabalho da Promotoria. “Quando se manifestava era contrária a nossas ideologias, as nossas ideias (…) nós cobramos das instituições (MPPE e PC) e todo passo para que esse crime seja  desvendado é relevante. No vídeo, eu identifiquei a presença de alguns funcionários do Colégio que estavam próximos do bebedouro (onde o corpo da menina foi encontrado), foram imagens difíceis, até hoje guardo na memória as imagens de Beatriz descendo pela última vez, desse indivíduo bem-vestido descendo as escadas também, passa um bom tempo lá embaixo, não sei se com ela, ele retorno e Beatriz não volta mais”.           

Juazeiro BA: Acidente no bairro João XXIII

Noticiado às 22:35, Desta Quarta, 15/06/2016.



Acidente Enfrente ao Antigo Cafona no bairro João XXIII, em Juazeiro BA. Com Vitimas Socorridas pelo SAMU, Apenas Escoriações leves.   

Petrolina PE: Moto Recuperada pela Policia 

Noticiado às 22:30, Desta Quarta, 15/06/2016.


POLICIAIS MILITARES DO 5° BPM RECUPERAM MOTO ROUBADA E APREENDEM PASTA BASE DE COCAÍNA EM PETROLINA

Por volta de 11:00, o efetivo do GATI, recebeu informações de que haveria uma moto roubada na rua 19 do Bairro São Joaquim em PETROLINA-PE e que também haveria tráfico de drogas naquele local. Após algumas buscas nas proximidades, foi localizada uma casa em construção na esquina da rua 19, uma moto Honda CG 150 FAN DE PLACA MNH 4053, a qual estava com restrição de roubo. Na mesma casa, havia uma balança de precisão, a qual foi deixada por um elemento conhecido por "VITOR", juntamente com a moto, segundo a testemunha, CÍCERO GONÇALVES DA SILVA, que participava das obras da referida edificação.
DOMINGOS MONTEIRO DA SILVA, que também participava da construção, informou que a movimentação seria na casa ao lado, pertencente à ADRIANA HENRIQUE DE ALMEIDA, e que possivelmente haveria droga no local. Imediatamente foi feito o deslocamento ao local indicado que, aparentemente acabara de ser abandonada por alguém, onde após algumas buscas, foram encontradas duas munições intactas de calibre .38 e 24g de pasta base se cocaína. Salientando que na aludida construção, já ocorreu a aproximadamente 2 anos, a apreensão de aproximadamente 2kg de cocaína.
Todos os objetos do ilícito foram encaminhados para a DP de Ouro Preto para as providências cabíveis. 

Participaram: Maj. Rutênio, Sgt C. Marques, Cb De Carvalho,
Cb Marlon, Sd Nogueira, Sd Michel Ribeiro e Sd Dourado.

Apoio: ROCAM e CANIL 

PMPE - DINTER II - 5º BPM.

Carnaubeira da Penha PE: Um Homicídio foi Registrado 

Noticiado às 22:25, Desta Quarta, 15/06/2016.


Juazeiro BA: Carro Prensado por Ônibus 

Noticiado às 15:10, Desta Quarta, 15/06/2016. 


Segundo Informações, foi ao lado da Condec em Juazeiro BA.

Mulheres Presas por Furto no Residencial Juazeiro

Noticiado às 15:05, Desta Quarta, 15/06/2016. 



Plantão RRJ (Ronda Residencial Juazeiro) 

Vigilância Comunitária RRJ em Ação: 
Duas mulheres estavam andando, com um carrinho de Bebê, pedindo alimentos no Residencial Juazeiro, quando se aproveitaram da situação e furtaram algumas peças de roupas, dos moradores, que estavam estendidas nos varais, quando os moradores se deram conta do ocorrido solicitaram a ajuda de um Guarda da RRJ, que mesmo de folga não médio esforços para ajudar a Comunidade; saindo a procura e localizando as Aproveitadoras, recuperou e devolveu as peças de roupas das vítimas, que não quiseram prestar queixa das Ladras, sendo assim o Guarda Solicitou que elas se retirassem do Bairro.

Parabéns ao Guerreiro da RRJ que mesmo fora do seu horário não deixou de Ajudar a Comunidade!   

Petrolina PE: Homem Detido com dois Mandados Judiciais 

Noticiado às 15:00, Desta Quarta, 15/06/2016. 


Policiais Militares do 5°BPM, nesta terça-feira (14/06), por volta das 22:40, ao realizarem buscas na horta da Escola Luíza de Castro no bairro João de Deus em Petrolina-PE, pelo fato de um elemento haver arremessado um objeto dentro da referida horta durante uma abordagem.
Os PMs localizaram a pessoa de Fábio Gileno da Silva Lemos, 53 anos, residente nessa mesma localidade, que dizia ser vigilante do local, porém mesmo vendo toda a movimentação não se apresentou a esses policiais permanecendo escondido embaixo de uma árvore.

Com a tal atitude suspeita foi averiguado a documentação do mesmo e uma consulta através da central de operações, que informou haver dois mandados de prisão em seu desfavor do Fábio Gileno, sendo um pela justiça da Bahia por estelionato, e outro no estado de Pernambuco por furto. Com o imputado foi localizado um celular de marca LG de procedência duvidosa e um cartão de benefício em nome de Nestor Feliciano de Oliveira.

O envolvido juntamente com o material apreendido, foi conduzido e entregue na Delegacia de Plantão.  

Petrolina PE: Palestra Sobre Mulheres Vítimas de Violência 

Noticiado às 01:00, Desta Quarta, 15/06/2016. 





5º BPM PARTICIPA DE PALESTRA REALIZADA PELA SECRETARIA DA MULHER DO ESTADO DE PERNAMBUCO EM PETROLINA.  

Na manhã de ontem (14/06), às 08:30, aconteceu no Batalhão de Polícia Governador Nilo Coelho-5°BPM, uma palestra com o tema: PROTEÇÃO ÀS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA. Que foi ministrada por integrantes da Secretaria da Mulher do Estado de Pernambuco, Michele Colto (Assessora da Diretoria Geral de Enfrentamento da Violência de Gênero), Lívia Arruda (Subcoordenadora Regional da DGEVG) e pelos policiais Sd Ilçara (Patrulheira da viatura Maria da Penha- lotada no 11°BPM/Apipucos), Sd Assunção (Patrulheiro da viatura Maria da Penha- lotado no 6°BPM/Jaboatão dos Guararapes). O 5° BPM vai fazer um estudo para a implantação da Patrulha Maria da Penha na cidade e já está viabilizando um atendimento qualificado neste tipo de ocorrência. A patrulha realiza atividades de policiamento ostensivo e preventivo, direcionadas ao acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica e à fiscalização do cumprimento das Medidas Protetivas de Urgência por parte dos agressores.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DO 5º BPM - PETROLINA -PE 

SDS - PMPE - DINTER II - 5º BPM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário