segunda-feira, 26 de junho de 2017

Balanço da Polícia Rodoviária Federal


PRF registra menos acidentes e feridos e uma morte a mais nas estradas de PE no São João

A Polícia Rodoviária Federal em Pernambuco divulgou, nesta segunda-feira (26), o balanço da ‘Operação São João 2017’. Na comparação com dados registrados em 2016, a corporação informa que houve redução no número de acidentes e de feridos nas estradas federais que cortam o estado. Houve uma morte a mais, em relação aos festejos do ano passado. A ação segue até o fim deste mês.
Segundo a PRF, entre quinta-feira (22) e domingo (25), houve 55 acidentes, 44 feridos e seis mortes. Na ‘Operação São João 2016′, realizada entre 23 e 26 de junho, foram registradas 61 colisões, com 55 lesionados e cinco óbitos.

Nos quatro dias, houve a fiscalização de 4.084 pessoas e 3.641 veículos. Os agentes da PRF emitiram 1.481 autuações. Desse total, foram 92 pelo não uso do cinto de segurança, 87 por ultrapassagens em local proibido, sete pela falta do capacete e seis pela ausência da cadeirinha para crianças.

Nesse período, também foram registradas 189 imagens de veículos com excesso de velocidade. Em parceria com as equipes da Lei Seca, os agentes da PRF realizaram 1.043 testes com o bafômetro, que resultaram na autuação de 31 pessoas e na prisão de quatro motoristas. Durante a fiscalização também foram recolhidos 78 veículos, 83 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e 30 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs).

As ações de Educação para o Trânsito contaram com a utilização do ônibus do Cinema Rodoviário e alcançaram 1.526 pessoas, através de palestras e vídeos sobre as principais causas de acidentes.
A PRF registrou também 49,6 toneladas de cargas com excesso de peso. Além disso, quatro animais que ofereciam risco aos motoristas foram retirados das rodovias.

O combate ao crime contou com o apoio de grupos especializados e quatro pessoas foram presas por crimes como porte ilegal de arma de fogo, receptação de veículos roubados, resistência e desacato. As ações contaram com o apoio de policiais rodoviários federais de Alagoas, Sergipe, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão e Piauí.

Coronel Noticias Policiais

Nenhum comentário:

Postar um comentário